Notícias

Sexta 7 de Janeiro de 2011

Na intervenção de encerramento de um comício em Alverca, Vila Franca de Xira, Jerónimo de Sousa salientou que a candidatura de Francisco Lopes, por não ser um acto meramente pessoal mas uma grande decisão colectiva, tem o selo de confiança que só o PCP pode dar: a candidatura que se alicerça na defesa dos trabalhadores e que combate o grande capital.

Sexta 7 de Janeiro de 2011

Francisco Lopes marcou, hoje, presença nos Jerónimos, em Lisboa, onde assinou o livro de condolências e prestou uma última homenagem ao artista e resistente moçambicano Malangantana.

Sexta 7 de Janeiro de 2011

No final de um dia de acções no distrito de Santarém, Francisco Lopes encerrou um comício no Instituto Português da Juventude com centenas de apoiantes. Francisco Lopes reafirmou que a sua candidatura é a única e verdadeira escolha de ruptura e combate à direita e à sua política (de PS/PSD/CDS) que conduziu ao desastre social e económico em que o país se encontra.

Sexta 7 de Janeiro de 2011

Num jantar convívio em Palmela, Jerónimo de Sousa, afirmou que para romper com a destruição da produção nacional e o aumento da dependência do país, só um voto conta: Francisco Lopes, o único candidato que diz não à política de direita de PS/PSD/CDS. A única candidatura que assume que o seu compromisso, não é com a banca: é com os trabalhadores e o povo.

Quinta 6 de Janeiro de 2011

No comício realizado na Amadora, Francisco Lopes afirmou que estas eleições para a Presidencia da República têm uma importância particular, são uma oportunidade para o povo português se pronunciar, sobre o que quer para o futuro do país.

Quarta 5 de Janeiro de 2011

Francisco Lopes foi, esta noite, à «Grande Entrevista» na RTP. O candidato à Presidencia da República demonstrou, uma vez mais, como o projecto de ruptura e mudança desta candidatura, é o único que defende os interesses dos trabalhadores e de Portugal.

Quarta 5 de Janeiro de 2011

Francisco Lopes, candidato à Presidência da República endereçou hoje à Frelimo, à família e ao povo de Moçambique palavras de condolência pelo falecimento de Malangatana, destacada personalidade da cultura moçambicana e activo lutador pela independência do seu país.

Quarta 5 de Janeiro de 2011

Num dia dedicado ao distrito de Braga, Francisco Lopes participou num entusiástica arruada, no centro da cidade e encerrou um comício em Famalicão. O candidato à Presidência da República reafirmou que esta candidatura é um projecto colectivo colocado ao serviço dos trabalhadores do povo e do país que se assume como alternativa para o exercício das funções de Presidente da República.

Terça 4 de Janeiro de 2011

Francisco Lopes está hoje no distrito de Braga. O candidato à Presidencia da República esteve junto dos trabalhadores da Kiaya, empresa de calçado em Guimarães onde almoçou com os trabalhadores. Durante a tarde, participou em contactos junto dos trabalhadores do Complexo Grundig, e participará, ainda numa arruada no centro da cidade de Braga e terminará o dia num comício com apoiantes em Joane, Vila Nova de Famalicão.

Segunda 3 de Janeiro de 2011

Francisco Lopes, candidato à Presidência da República, esteve hoje no concelho de Tábua. Participou numa acção junto dos trabalhadores da empresa «Aquinos», onde defendeu a produção nacional como factor fundamental para o desenvolvimento económico de Portugal. No final do dia, jantou com apoiantes do concelho.

Domingo 2 de Janeiro de 2011

O candidato à Presidência da República, Francisco Lopes, passou o dia no distrito de Portalegre «tomando e actualizando o conhecimento da realidade» em contacto directo com os trabalhadores e populações do distrito assim como os seus problemas e anseios.

Sábado 1 de Janeiro de 2011

Em reacção à mensagem de Ano Novo do Presidente da República, Francisco Lopes, candidato à Presidencia, acusa Cavaco Silva de fugir às suas responsabilidades pela situação do país, com um rumo que tem comprometido a independência e a soberania nacional, liquidado o aparelho produtivo e tornando Portugal um país cada vez mais dependente.

Quinta 30 de Dezembro de 2010

Francisco Lopes visitou hoje o ramal da Lousã e associou-se à justa luta das populações na defesa desta infraestrutura, numa iniciativa promovida pelo PEV. O candidato afirmou que a política de privatizações e encerramento de linhas ferroviárias é um sinal de atraso que hipoteca o desenvolvimento do país.

Quarta 29 de Dezembro de 2010

O candidato à Presidencia da República realizou várias visitas no distrito de Castelo Branco e da Guarda. Francisco Lopes contactou com trabalhadores e visitou empresas valorizando a importância do aparelho produtivo como factor de desenvolvimento da região. Reuniu, ainda, com MPE's, na Guarda, onde as consequências negativas da introdução de portagens nas SCUT foram abordadas.

Quarta 29 de Dezembro de 2010

Francisco Lopes fechou o ciclo de debates televisivos com Defensor Moura. Um debate que, no seguimento dos anteriores, permitiu a afirmação do carácter distintivo desta candidatura. Na defesa dos direitos dos trabalhadores, na aposta na produção nacional, no combate à especulação financeira e à escandalosa acumulação de lucros pelos grupos económicos e financeiros.

Terça 28 de Dezembro de 2010

Francisco Lopes visitou, hoje, o Centro Distrital de Lisboa da Segurança Social, no Areeiro, tendo sido recebido pelo Director do Centro e contactado com trabalhadores deste serviço e com centenas de pessoas que aguardavam pelo atendimento.

Segunda 27 de Dezembro de 2010

Francisco Lopes visitou hoje as instalações dos Inválidos do Comércio, em Lisboa, onde expressou as suas preocupações quanto ao previsível agravamento das condições de vida dos mais idosos. O congelamento das pensões, a par do aumento dos preços dos bens essenciais e do IVA, não deixarão de ter consequências dramáticas na vida daqueles que já hoje vivem com grandes dificuldades.

Quinta 23 de Dezembro de 2010

Hoje Francisco Lopes esteve em contacto com a população do seu concelho natal, Arganil. Francisco Lopes contactou com a população e comerciantes na Feira em Arganil, onde teve oportunidade para ouvir os seus problemas, como falta de emprego, fim dos apoios sociais e salários extremamente baixos e de afirmar os valores e objectivos da Candidatura.

Image does not exist anymore or an invalid image
Quinta 23 de Dezembro de 2010

Francisco Lopes num jantar com apoiantes em Oliveira de Azeméis destacou na sua intervenção a sua indignação perante um novo roubo aos trabalhadores que PS e o grande patronato, sob o aplauso de PSD e CDS, acabam de consumar com o rasgar do acordo já estabelecido para aumento do salário mínimo nacional.

Quarta 22 de Dezembro de 2010

O candidato à Presidencia da República participa, hoje, e várias iniciativas no distrito de Aveiro. Francisco Lopes reuniu-se com Direcção da Adega Cooperativa da Mealhada e visitou as instalações. No final do dia, jantará com apoiantes do distrito, em Oliveira de Azeméis.